Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Na poda da vida ....

Domingo, 22.11.20

No tempo da poda , é como se se a árvore derramasse lágrimas; 

o podador insensivel corta os ramos sem compaixão,

despoja a árvore dos seus ramos e desbasta-lhe a ramagem sem piedade; 

por cada uma das feridas, a árvore destila o sangue do seu lamento, 

do seu protesto; 

No entanto, a poda serviu para que essa alma se contraisse

se fechasse em si durante os longos dias de inverno

e assim não fosse atiingida, na interioridade de sua seiva,

pelo frio que mata;

Mas depressa veio a Primavera e os brotos anunciaram que a árvore 

não só nao estava morta, mas recuperou nova vida , nova fecunidade em flores e frutos....

Na tua vida, o sofrimento faz o papel do podador...

Alfonso Milagro 

AS PODAS DA VIDA Em plena manhã... hupomone vilanova

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maria Oliveira às 08:17


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.